Estamos de mudança!

00960_COR

Ei! Não foge, não! 
Isso não é uma pegadinha de primeiro de abril!
Pode não parecer…. Mas, vc está no Semanier.

Sentiu esse abraço? Sou eu e Marcella Castro há 6 anos atrás, no dia mais importante da minha vida.

Hoje, mesmo com alguns quilinhos e ruguinhas a mais, ainda sou a Lu Moreda e a Marcella Castro, agora morena e com cabelo mais curtinho, continua bela, gostosa e com aquelas ruguinhas no nariz ao sorrir que tanto amamos.  Fato é que, por aqui, o mais importante não mudou. Quer dizer, mudou sim! Nosso amor, amizade e admiração só aumentaram. _/\_

Olha a gente aí!

28112015 Confraria Imperial primavera459

Desculpem-me as declarações e o sentimentalismo, mas ando sensível demais ultimamente…  Até o final do texto saberão o motivo.

Pois bem, aconchegue-se na cadeira e sinta-se em casa de novo porque estamos juntos, conectados e o papo é fresco, leve e cheio de carinho como sempre.

Confesso que usei a mesma interjeição que você: UFA! rs

Porém, como já percebeu, o Semanier também está diferente….Resolvemos descascar, trocar de  pele, igualzinho ao outono após um longo verão. É por isso que estamos peladinhos desse jeito.

NUDES? rs

A nossa mudança de layout não foi um desapego, uma adaptação à moda minimalista ou, simplesmente, um “cansei!”. Decidimos mudar pois é preciso crescer, expandir e enxergar novos horizontes. E não conseguiríamos isso, imediatistas como somos (eu e Marcella), ainda respirando a logo antiga.

Então, agora você já sabe: não só o Instagram mudou (para visualizar todos os conteúdos publicados por alguém, você precisa “ativar as notificações” no perfil de quem está seguindo.), nós também mudamos!!!

Apesar de “peladinhos”, o nosso móvelzinho de sete gavetas continuará firme, intacto por aqui e virá, em breve, de cara nova, com novas matérias, histórias, dicas e muito conteúdo autoral para você.

Algumas novidades que vem por aí:
Novos colaboradores. YAY!
Euzinha dando dicas, no melhor estilo Personal Anfitriã… Só que (Tchã-nã-nã-nããaãã!!!), diretamente de Portugal. Simmmmm! A Confraria vai cruzar o atlântico e terá uma nova casa também! Não falei que mudar é preciso??? Então, teremos dicas de decoração, enxoval, restaurantes , viagens, drinks, mimos e a mais incrível de todas: casamento!!!

Portanto, muita calma nessa hora e… Continue aqui, juntinho com a gente, enquanto uma nova carinha é desenvolvida pela nossa designer.

Ah, precisamos muuuuuito de você!
Ou achou que ficaria aí, sentadinha , só lendo?
Nã,nã,ni,nã,não!
Comenta aqui embaixo o que gostava e o que sentia falta.  Agora é a hora de participar e reformar o movelzinho com a gente!
Com amor,
Lu Moreda.

PS: Quer fazer a fofura do dia? Ative as notificações no Instagram em nossos perfis  @semanier @lu_moreda @confrariaimperial ! <3

Foto2: Dupla Exposição

A minha Buenos Aires é dos argentinos! – Aramburu

Voltei!

O motivo da ausência: fui comemorar meu aniversário com maridinho em Buenos Aires.

A justificativa é boa e estou perdoada, né?

Bem, foram alguns dias de sossego, temperatura agradável, modelitos “comfy chics”,previamente montados e fotografados, para não perder tempo escolhendo as peças durante a viagem,  muito bate perna para gastar as calorias da comilança e cineminha quase todo dia.

Essa semana darei algumas dicas de revirar os olhinhos!

Pra começar, esqueça La Cabrera, Las Lilas, Sucre, Faena … e todo aquele roteiro manjadão. Xô mesmice!

Vamos à Argentina dos argentinos!

A dica TOP de restaurante dessa viagem é o Aramburu Restó, em San Telmo.

Dê seu jeito e grave esse nome! Pra facilitar ainda mais a sua vida, a pronúncia correta é “Arambúru” e não “Aramburú”. 😉

O proprietário e chef Gonzalo Aramburu é de um rigor na execução e criação do menu que te faz desejar percorrer os 19 passos (como ele define o total de pratos que será oferecido) de novo  no dia seguinte. O restaurante está em 14o lugar no 50 melhores restaurantes da América Latina. E não é à toa! O atendimento é tipo exportação, a harmonização deixa qualquer um de queixo caído e ele conseguiu unir a prepotência  esquizofrênica da cozinha molecular com a comida caseira argentina.

Ah, se você não faz a linha phyna(o) e adora bater aquele pratão, pode ficar  traaaaaaanquila(o); você não sairá de lá com fome!

Pra você entender que esse lugar realmente é imperdível, a precisão vai além da cozinha. A concepção arquitetônica também foi milimetricamente calculada. O espaço é simples, minimalista, tem cerca de 15 mesas e um balcão que fica colado na cozinha para você poder observar tudo.  A cozinha, por sinal, fica mais alta que o nível do salão, dando a impressão de que os cozinheiros são deuses. Alguns até são! Com todo respeito, marido. 😉

Ainda sobre a decoração, que é um ponto importantíssimo na construção dessa experiência,  as paredes são grafite e um único armário do chão ao teto habita o salão, expondo todas as taças e louças que serão usadas. A iluminação destaca a comida e não quem a come, é uma luz totalmente direcionada ao centro das mesas onde o prato é servido. Ah, e vc de quebra ainda fica linda(o), porque a mesa vira um rebatedor e deixa qualquer pele um pêssego, o que é perfeito para o momento sedução.

Uma foto para ilustrar como a iluminação é fantástica.

 

VAMOS AO QUE INTERESSA!

Esse lombinho de porco “embaixo da moita”, foi apenas o melhor da vida.  Jésuis!

E aí, babou?

Dá uma olhadinha no menu da estação primavera!

É um abuso de ingredientes, texturas e sabores. Tem quinoa, ave, peixe, flores, foie gras, mostarda, vieira, carne de boi, caramelos, pepino, crosta, espuma, rolinhos, “gravetos”, caldas, “pastilhas”, sorbets… Uma loucuuuuuuura!

Foi, né? Acho que te convenci.

Pra fechar: leve dinheiro, pague em pesos, o cambio oficial cobrado pelo cartão de crédito deixa a conta estratosférica  e RESERVE com antecedência!

Se quiser ver mais fotinhos da minha trip, confere lá no meu instagram @lucieda !

Até quinta, com os melhores drinks de Buenos!!!

 

Foto destaque: Celso Barreto
Foto 1: divulgação
Foto 2: The Lost Asian

Uma bolsa só minha…

Num mundo, onde cada vez mais, as pessoas querem ser e ter coisas exclusivas que descrevam suas personalidades, objetos personalizados ganham força e tornam-se grandes aliados de quem tá afim de se diferenciar no meio da multidão.

Marcas top como Burberry, LV, Fendi, entre tantas outras inventaram artifícios para satisfazer suas clientes mais exigentes. A brincadeira começou com a Louis Vuitton presenteando as compradoras com suas iniciais nas bolsinhas. Outras grandes grifes curtiram e passaram a fazer o mesmo até em roupas – leia-se o poncho da Burberry – ou criaram outras formas de personalizar seus acessórios, como a Fendi que lançou o monstrinho febre entre as fashionistas. Os bichinhos – ou bug – fizerem tanto sucesso que adornam acessórios de outras marcas e não só da Fendi.

Na verdade não é preciso adquirir uma bolsa fortunosa para ter uma modelo exclusivo. Colocar um simples lencinho pendurado, já faz com que a peça fique diferenciada. Enrolar um lenço na alça, também fica um charme. Dá para inventar e criar!… Só não vale tentar fazer suas inicias com liquid paper, ok?

Fotos: reprodução

Nancy: bolsa ou flor?

Essa bolsa Nancy Gonzalez mais parece uma peônia perfeita do que uma simples bolsinha. Ela pode transitar do acessório romântico ao toque descolado que às vezes falta num look super básico. Em formato hexagonal, em couro de crocodilo, é difícil de acreditar que Nancy tenho conseguido chegar a perfeição da pétala de uma flor nos detalhes.

À venda na Net-A-Porter por $2,200

Foto: reprodução