Osso Carnicería y Salumeria, mais uma dica de Lima.

IMG_20150906_151623

Mais uma grata surpresa, no pulo de 4 dias que dei em Lima, foi o inusitado restaurante Osso. Trata-se de um açougue refinado (ou seria uma loja de carnes?) e um restaurante descontraído – e super descolado – onde podemos degustar os maravilhosos cortes de carne vendidos no açougue.

Ambos, o açougue e o restaurante comandados pelo Chef Renzo Garibaldi, são o máximo. O primeiro é um charme para conhecer e levar os produtos para comer, pena que não podemos trazer as carnes para o Brasil, mas vontade não me faltou. Já o segundo, como contei no começo do post, é descontraído e ultra descolado, perfeito para um almoço entre amigos. A decoração leva a cozinha aparente com os móveis de madeira e o ambiente confortável.

O bacana de toda estrutura é que lá eles comercializam, de forma sustentável, carnes de primeira qualidade provenientes de animais que foram tratados com o máximo de respeito.

A comida é excelente!! Não perca o hamburquinho que pode ser pedido como entrada para a mesa toda e depois, sugiro que se aventure numa carne diferente e esqueça a mesmice do filet mignon por uma refeição e pratique o amor pela diferenciação da suculenta carne vermelha.

Os vinhos são espetaculares e preço da carta de vinhos é bom se comparado com outros restaurantes tops peruanos. A comida também não é das mais caras – mas lembre-se que com o alto valor do dólar devemos ficar em alerta, ainda assim, vale a experiência. Inclusive, a experiência é válida do começo ao fim, “startando” com Pisco Sour de aperitivo (afinal, isso é o Peru!), passando pelas entradinhas, já com um vinhozinho tinto para harmonizar, se deliciando com o prato principal e terminando nas fantásticas sobremesas. Coisa de louco guloso e carniceiro!

Ao visitar o Osso, apesar de ter sido um restaurante muito bem recomendado, não fazia ideia que estava comendo num dos melhores restaurantes da América Latina. Foi ou não uma grata surpresa?

IMG_20150906_134001

IMG_20150906_140945

65842768-093b-4c83-8553-3f7f356041c8

IMG_20150906_154250

d7ad7698-48e9-4b84-8c83-3441449aab80

Fotos: de todos da mesa

Um Pulo em Lima

10941871_794823473940389_4903194059909007837_n

Neste último feriado fui conhecer Lima no Peru. Por dica de uma amiga querida, que queria retornar a essa capital tão simpática, nosso grupo – 4 casais – resolveu passar o Feriado da Independência na Cidade dos Reis. E para minha felicidade, lá se come como um Rei (ou no meu caso, como uma rainha gulosa).

Imagina uma trupe de 8 adoráveis amigos gourmands que amam a arte da culinária reunidos em Lima?!

Pois é, juntamos a nossa fome com a vontade de comer e nos aventuramos nesta orgia gastronômica.

Nos próximos dias, vou postar dicas e lugares bacanas que considero imperdíveis. Mas não pensem que só de comida, vive-se no Peru. É super fácil se encontrar maravilhada pelas ruas de Miraflores, bairro que, junto de San Isidro e Barranco, é um dos os points cobiçados da cidade.

Miraflores é lindinho em todos os sentidos, as ruas são limpas, o povo é agradável, os jardins são floridos e muito bem arrumados, tem até arranjo de flor pendurado nos postes. E para colorir ainda mais esta bela cidade, tem o artesanato local… Uma loucura! Alimentei meus olhos com a gama de cores presentes nas Artesanías Peruanas: mantas, bolsas de palha, pulseirinhas e bijuterias, que vão do branco ao preto, passando por grande parte da cartela Pantone. Pirei!

Embora os 3 bairros sejam os mais descolados de Lima, o Centro Histórico não deixa nada a desejar. Super vale passear na Plaza das Armas e suas construções antigas com seus charmosos “balcones”, uma espécie de baywindow de madeira ou varandinha acoplada aos prédios, também é bacana, tirar foto do Palácio do Governo, na Catedral, e visitar a Igrejinha Rosa do Convento do Santo Domingo, onde tem uma imagem belíssima da Santa Rosa de Lima.

Amanhã mais dicas deste lugar que me encantou…

Foto aérea de Miraflores - reprodução.

Foto aérea de Miraflores – reprodução.

As cores do Peru.

As cores do Peru.

Essas mantas ficam lindas na decoração.

Essas mantas ficam lindas na decoração.

Plaza das Armas e os balcones.

Plaza das Armas e os balcones.

Convento Santo Domingo com a Imagem da Santa Rosa de Lima - comprei um terço dela com cheirinho de rosa LINDO!

Convento Santo Domingo com a Imagem da Santa Rosa de Lima – comprei um terço dela com cheirinho de rosa LINDO!

Palácio do Governo

Palácio do Governo

Foto 1: reprodução

Super Dica: Multimarcas Frige OFF

Amanhã, num dos principais spots de linhas OFF no Centro da Cidade do Rio de Janeiro, inaugura a Frige. Trata-se de uma multimarcas OFF super incrível que traz em seu menu nomes como Martu, Valen, 7 for all man kind, Carina Duek, entre muitos outros.

Sou super fã e frequentadora dos Off de muitas marcas conhecidas e já adquiri excelentes achados em todas elas. Acho a ideia da Frige bárbara, assim poderei encontrar vários nomes em um lugar só.

Para quem ama as lojas OFF tanto quanto eu, a Frige garante peças com desconto de 40 a 70%. O que vamos combinar que é um “saving” fantástico?! Isso é motivo de sobra para deixar as fashionistas em polvorosa!

Valen – http://www.valen.com.br/
Martu – http://www.martu.com.br/
GIG – http://www.gigcouture.com.br/home
Balerina – http://www.atelierballerina.com.br/
Jenessequa – http://jenessequa.com.br/
Carina Duek – http://www.carinaduek.com.br/
Patricia Motta – http://www.patriciamotta.com/
Junk Food – http://www.junkfoodclothing.com/
Seven – http://www.junkfoodclothing.com/

Caffè Stern: um italiano “magique”

Foi ali que de 1834 a 2008 funcionava o atelier gráfico e de impressões Stern – classificado como Monumento Histórico . Há mais de dois anos o local foi comprado por David Lanher, um descobridor de lugares mágicos, Philippe Starck revestiu o lugar com suas idéias e, como sempre, soube preservar a alma desse espaço histórico com o seu touque de modernidade. O restaurante propõe a essência da cozinha veneziana onde Massimiliano Alajmo, um dos melhores jovens chefs italianos, dá uma interpretação clássica e ao mesmo tempo contemporânea à gastronomia italiana. Os vinhos são propostos por Mirko em perfeita harmonia com os pratos.

Tudo ali foi pensado e delicadamente proposto. Não deixe de folhear o livro do chef com as fotos e receitas dos pratos. Imperdível. Mas imperdível mesmo a sobremesa com um chocolate que vem na caneca.

O livro também está a venda. Dica: faça reserva com antecedência.

E tenha a certeza que ao sair de lá terá experimentado um momento maravilhoso!

Caffè Stern. 47, passage des Panoramas 75002 Tel. 01 75 43 63 10

Fotos: Dafne Grozovsky – Paris Branchée

Quentinha como as francesas

Semana passada falei sobre os sneakers nos pé das francesas, hoje vou falar do modo que elas usam o cachecol ou lenço enrolado no pescoço. Sempre cheia de charme, a mulher francesa coloca uma pitada de bossa em todos os acessórios e com o lenço que elas usam no pescoço para aquecer do frio intenso, não podia ser diferente.

Ao invés de simplesmente passar o lenço, elas dão várias voltas com o mesmo em torno do pescoço, como fosse uma grande e gorda gola. Os tecidos mais usados são a lã, crochet, linha e outros quentinhos.

Inspiradas nas francesas, várias moças ao redor do mundo passaram a usar o cachecol assim. Fica a dica…

Fotos: reprodução
Montagem: Semanier