Coroa de Flores & DIY

O romantismo está no ar! E com ele as delicadas coroas florais escapam do universo das noivas e passam a fazer a cabeça das mulheres no dia a dia.

Lembro que uns meses atrás uma amiga trouxe de Paris uma coroinha de flores super charmosa. Já era uma antecipação do que estamos vendo agora no verão europeu. Não tenho dúvida que a coroa de flores virou tendência por muitas razões: ela deixa a mulher mais bonita, feminina, os cabelos ficam lindos e é bem divertido brincar com a peça no meio de uma produção.

Dolce Gabbana usou uma espécie de coroa de flores com veludo em seu desfile “Fall 2012”. Talvez a grife tenha sido a “re-descobridora” do acessório e a responsável por trazer ele de volta às nossas vidas.

Do It Yourself: Tutorial “DIY” gracinha inspirado na Lana Del Rey que ensina como fazer a sua própria coroa de flores.

Fotos: reprodução

DIY : Bracelete de Seda

Adoro esses braceletes de 2 cores, gosto de misturar duas ou mais cores numa produção. Outro dia aprendi como faz. Querem aprender?

  1. Material : 3m de fio de seda (1.5 de cada cor), tesoura, fita crepe.

  1. Compre duas de suas cores preferidas de fio de seda – 1,5 metro de cada.
  2. Corte 35 centímetros do fio de uma das cores.

  1. Prenda uma das pontas do fio cortado numa mesa com fita crepe.
  2. Dê uma folga e prenda a outra ponta do fio.

  1. Pegue os 2 fios coloridos que sobraram e dê um nó no fio preso a mesa.
  2. Deixe um espaço na ponta para poder amarrar no pulso depois.

  1. Vá cruzando um fio pelo outro e dando nó até achar que o tamanho está legal para prender no pulso.

  1. Pronto agora é só usar!

O legal deste bracelete é que, além de ser fácil e rápido de fazer, nenhuma cor fica feia, todas se combinam, a gente pode fazer várias misturas color block. Fica super bonito e atual. Essas pulseirinhas vem com tudo no verão.

Do it yourself : “Xô Mofo”

Muitas pessoas tem problemas com mofo em casa. Vamos combinar que é muito irritante quando a gente tira aquela perfecto de couro que compramos no ano passado toda mofada, com cheiro horroroso, do armário.

Tem gente que já tentou de tudo, falam até em passar vinagre nas prateleiras e gavetas, mas parece que o cheiro fica ainda pior.

Recebi esta dica da assessora, cerimonialista e querida amiga, Regina Basto, achei bem interessante. Ela me falou que o giz branco colocado por todo guarda-roupas absorve bem a umindade.

Mas veja bem, ficaria horrendo deixar um monte de giz espalhado. Seria péssimo querer usar uma camisa e achar um gizinho enrolado nela, então como fazer?

Daí vem a dica…

O que você precisa:

  1. giz branco (encontra em papelaria)
  2. filó (eu comprei azul-marinho, mas cada um escolhe a cor que quiser)
  3. fita de cetim fininha (mais uma vez pode ser a cor da sua preferência)

Pega o filó corta em quadrados de mais ou menos 20 x 20 cm, coloca o giz dentro do filó e faz um saquinho amarrando a fita de cetim com um laçinho e pronto.

Esses saquinhos podem ser colocados no fundo das gavetas, das prateleiras e penduradinhos (pela mesma fitinha de seda) nos cabides. Fica super charmoso, fácil de fazer, funciona, e pasmem!, é reutilizável.

Com o passar do tempo o giz fica cheio de umidade e para de funcionar, para de atrair a umidade, então tire o giz do saquinho coloque no forninho em temperatura branda, não vai colocar com filó e fitinha, é só o giz, tá?

Para terminar… Tire o giz do forno (espere esfriar, ninguém merece uma quaimadura), refaça o saquinho com o filó e a fita de cetim, coloque de volta do mesmo jeito no armário.

“Essa é a vantagem do giz, ele pode se recuperar”, diz Regina Basto.

A minha amiga é demais mesmo, né?!