Receitinha: Sopa de Couve-Flor

Foto: reprodução

Acordei sonhando com uma comidinha quentinha, propícia para um dia chuvoso como este. Claro que primeira coisa que veio na minha cabeça foi um delicioso – e super calórico – chocolate quente. Bom, ele foi imediatamente descartado. Afinal, hoje ainda é quarta feira, não é dia de burlar a dieta. Em seguida, pensei numa sopinha e lembrei que faz tempo que não saboreio uma sopa caseira de couve-flor.

A couve-flor é uma grande aliada para aqueles que querem manter uma alimentação saudável e de baixa caloria. Ela é rica em cálcio, fósforo e vitamina C e possui baixo nível de sódio. Além do mais, ela é ótima para digestão.

Receitinha: Sopa da Couve-Flor

Ingredientes para 08 porções

01 maço de couve-flor lavada e partida em pedaços pequenos
1,5 litros de água
100 gramas de peito de peru cortado em cubinhos (tem quem faça com 70 g de bacon)
1/2 cebola picada em mini pedacinhos
1 colher de sopa de manteiga
1 1/2 colher de farinha de trigo
1 xícara de leite frio desnatado
Sal e pimenta do reino branca a gosto

Modo de Preparo

Coloque a couve flor partida para cozinhar por uns 20 minutos numa panela de pressão com a água e um pouco de sal. Enquanto isso, refogue a cebola, junto com os cubinhos de peito de peru em outra panela com a manteiga. Deixa ficar bem moreninha – pelo menos é assim que eu gosto. Depois coloque a farinha junto com o refogado na panela para cozinhar por uns minutinhos. Daí, tire esta panela do fogo, deixe esfriar um pouco e coloque o leite aos poucos mexendo com um garfo para fazer uma mistura – tipo um creme branco. Bata a couve-flor cozida no liquidificador e coloque-a na panela junto com o creme. Adicione sal e pimenta a gosto.

Essa é uma sopinha prática e gostosa para um dia como o de hoje!! Bom apetite!

I love burguer à minuit

Em Paris quando você tem aquela fome tardia, tipo 11 da noite, você está praticamente perdido se a sua geladeira está vazia e você sem criatividade. O último horário para uma reserva na maioria dos restaurantes é entre 9h30 e 10h da noite e os poucos lugares que fazem entregas a domicílio funcionam até 23h, isto é, aceitam pedidos até às 22h30, depois disso a sua vida começa a se complicar. Detalhes que não percebemos até vir morar aqui.

Uma boa descoberta foi o I love burguer – um restaurante bem pequenininho que tem um serviço de entrega durante toda a madrugada. Acredite se quiser, “vous êtes à Paris” com uma comida tipicamente americana na sua casa ou no seu hotel até às 5 da manhã. Um diferencial, certamente! Não tem charme – a não ser por duas coisas:pelo sotaque francês nos termos em inglês e de vender sanduíches em uma rua que se chama rue des boulangers – rua dos padeiros, de resto, só mesmo a vantagem de saber que você já tem pelo menos uma opção no meio da noite fria parisiense sem precisar colocar o pé na rua. Os pedidos também podem ser feitos diretamente pelo site e chegam rapidinho.

I Love Burguer. 20 rue des Boulangers 75005 Paris. 01 43 26 19 96

www.iloveburger.fr

www.parisbranchee.blogspot.com

Fotos: reprodução e Dafne Grozovsky